sexta-feira, 5 de julho de 2013

Quem é o tubarão? - versão 2013

Já há algum tempo que deixei de visitar as páginas de internet de Records, bolas, jogos, e coisas que tais. Deixei mesmo, tanto que eu nem me apercebi de metade da telenovela Bruma (a segunda mais importante do país depois da do governo). Mas já me começa mesmo a cansar chegar às redes sociais e ora um dia é o maior, ora outro já é como os traidores do maçã podre. Tudo porque não renovou já, porque deve tudo ao Sporting, porque devia era encostar-se o rapaz sem o deixar jogar já que não quer facilitar o processo, porque devia era "levar um abanão", porque quer ganhar o dinheiro que, na verdade, merece. Que bem que nós tratamos os nossos jogadores, e que adeptos diferentes que somos.

Palhaçada.

Então é um traidor porque quer ganhar os seus trocos? Sabendo o que vale, e depois de uma estratégia ridícula da anterior direcção do nosso clube, claro que se vai aproveitar. E não tem nada a ver com o seu sportinguismo ou não, por duas razões:
Despediu o seu agente que devia ter algum acordo esquisito com o nosso querido Godinho.
Não vejo mal nenhum em ser bom e ganhar o que é justo, e mais que justo.

Tivemos um presidente que fez o favor de obrigar os treinadores (plural, continua a fazer-me imensa graça) a subir a equipa B inteira à A sem renova-los a todos antes!! E sou só eu que acho esquisito que todos terminem o contrato ao mesmo tempo, e que nenhum tenha sido renovado num timming decente?

E para não ser muito anti-Godinho e muito pro-Bruno, digo também que o nosso caríssimo presidente fez muito mal em deixar esta palermice toda para depois do mundial sub-20.

Hoje nem vou dar atenção a isto, quando a telenovela acabar alguém que me conte quem é o tubarão, se faz favor.


quarta-feira, 3 de julho de 2013

Desabafo


Transferência do ano? Claramente a ida de Neymar para o Barcelona. Este negocio, que a tantos agradou, não me parece nada boa estratégia de carreira para o que poderia vir a ser o melhor jogador do mundo. Porque é que digo poderia? Porque é mais que óbvio que Messi, o grande jogador humilde, e bom companheiro, nem o vai deixar jogar, nem o vai deixar a vontade para fazer o que quer que seja. E desenganem-se, é assim que se criam os flops. Vá, não é só assim, às vezes as drogas, saídas e pouco profissionalismo ajudam, mas a pressão psicológica do considerado melhor jogador do mundo pela FIFA, não ajudará com certeza. Não sei qual seria o clube ideal para o jogador brasileiro, acho que o Real Madrid também não tem estrutura suficiente no dia de hoje para aguentar com o Cristy e o Neyma, não acho que o futebol inglês fosse o tipo de futebol que o rapaz aguentasse sem perder a sua arte, o alemão nem tem muita arte, mas Barcelona, o “melhor” clube do mundo, não saberá, como não soube até então e depois de muitos milhões gastos na procura do “companheiro de Messi”, lidar com o ego de Messi, e deixará que Neymar seja, à falta de outra expressão, papado vivo.